Game Office Network - Gonbrasil
PC

Master Race: Rise of the Tomb Raider vende 3 vezes mais no PC do que no Xbox one

Uma coisa é óbvia, “exclusividade” nunca quis dizer nada – e muito menos exclusividade temporária. Surgiram os dados das vendas no PC feita pela Superdata, uma empresa especializada em analisar os dados da indústria digital e segundo o relatório Rise of The Tomb Raider está indo muito bem no PC.   Os dados são de Janeiro, se comparado com o primeiro mês de lançamento no PC Júnior Xbox One, Rise of the Tomb Raider vendeu 3 cópias no PC para cada uma vendida no console da Microsoft.  Como explicar as vendas no PC para alguém que usa consoles? No PC existem vários revendedores, e isso incluindo o Steam que além de uma plataforma também é revendedor – Temos GOG, Steam, Microsoft Store, Uplay, Origin e revendas “alternativas” como Kinguin, GMG e no Brasil temos a Nuuvem. Portanto apesar da maioria ser ativável no Steam, nem sempre é na plataforma da Valve que as pessoas jogam, mesmo sendo a maioria.

Agora confira o relatório de vendas digitais em janeiro de 2016, vale ressaltar que estes dados são do Reino Unido. Vejam os jogos que mais geraram lucro

Console Download Digital

  1. Call of Duty: Black Ops III
  2. FIFA 16
  3. Grand Theft Auto V
  4. Destiny
  5. Fallout 4

PC conteúdo para jogos – DLC

  1. StarCraft II
  2. Counter-Strike: Global Offensive
  3. Fallout 4
  4. Rise of the Tomb Raider
  5. Grand Theft Auto V

Jogos Gratuitos

  1. League of Legends
  2. Crossfire
  3. Dungeon Fighter Online
  4. World of Tanks
  5. DOTA 2

Jogos Online (MMOs) Pagos

  1. World of WarCraft
  2. Lineage I
  3. TERA: Online
  4. Star Wars: The Old Republic
  5. Blade & Soul

Celulares e Smartphones

  1. Clash of Clans
  2. Monster Strike
  3. Candy Crush Saga
  4. Puzzle & Dragons
  5. Candy Crush Soda Saga

Jogos Sociais

  1. DoubleDown Casino
  2. Slotomania
  3. Candy Crush Saga
  4. FarmVille 2
  5. Candy Crush Soda Saga

 

 

 

 

 

 

Rafael "Scarface" Luerce

PC Gamer desde a adolescência, vindo de uma geração onde quem jogava Diablo e Planescape: Torment era feliz.

Comentários