Game Office Network - Gonbrasil
Análises

Jogamos: Armello – The Usurpers

Recentemente a League of Geeks lançou sua primeira expansão para o seu jogo de estratégia em turnos, Armello. Chamada de The Usurpers, a expansão é apenas uma coletânea de novos heróis para o jogo, cada um com suas habilidades únicas.

Usupers trás Elyssia, Magna, Sargão e Ghor para o campo de batalha. Junto de quatro anéis novos também que chegaram com cada personagem, em ordem: Tanzanita, Quartzo-multicor, Rubelita, Água-marinha.

page_rings

O mais importante para se dizer -mais ainda do que sobre os personagens individualmente- é que eles de forma alguma são desequilibrados ou anti game. A minha primeira preocupação como fã do jogo base, assim como a de vários jogadores, era de que eles seriam desequilibrados a um ponto onde quem não possuísse a DLC fosse sofrer em partidas online. Apesar de amar cada herói novo, eles não só não são desequilibrados como eu estou sempre voltando a jogar com algum do base, talvez por costume.

  • HERÓIS:

el

 

 

Elyssia talvez seja a minha favorita entre os novos.

A habilidade especial dela faz com que vilas que ela termina seus turnos se tornem mais dificeis de serem dominadas por outros jogadores. Eles irão precisar usar 2 pontos de movimento, como se estivessem se movimentando em montanhas. O efeito é permanente e Elyssia consegue cruzar por eles sem as penalidades que os outros jogadores receberam.

Além disso, Elyssia ganha bônus de escudo sempre que estiver sobre estas estruturas.

magna

Magna já não é um herói que eu tenha jogado muito, mas eu joguei bastante contra alguns (dá pra ver que vários jogadores compraram a expansão assim).

Ele é focado mais em duelos, então talvez conseguir prestígio com ele seja a melhor estratégia. Sua habilidade especial faz com que cada escudo queimado em batalha faça um dos ataques do oponente refletir nele. Magna com certeza é um herói que você não vai querer enfrentar no campo de batalha sem motivo.

sarg

 

Apesar de Magna estragar meus rushs de prestígio em várias partidas, quem mais me aterrorizou foi Sargão.

Sargão não tem nenhuma grande vantagem acima dos outros heróis, mas se você já joga Armello faz um tempo e entende de cartas e estratégia, talvez ele seja a melhor escolha. Sua habilidade deixa que sempre que você for fazer as escolhas de cartas (item, magia ou armadilha) você veja qual carta está sendo escolhida!

Esse controle de jogo é algo que você não vai querer dar na mão de um jogador experiente, removendo totalmente o fator sorte dele e deixando sua habilidade no comando.

ghor

E para fecharmos, temos Ghor, para todos os usuários e fãs de magia (não eu, no caso).  Além de ser o membro do clã dos ursos mais fofo visualmente, não fica muito atrás de Sana, também urso focado em magia do jogo base.

Eu nunca joguei muito de Sana e achava magias muito difíceis de se lidar para qualquer tipo de situação que você pretende vencer. Sempre achei, e ainda acho, que deveria existir algum modo de time, e aí sim, ter um urso soltando magias seria extremamente útil, quase que obrigatório, em uma partida.

Mas enfim, Ghor tem o seu talento especial que deixa ele usar magias em qualquer floresta do mapa inteiro. Além disso, se Ghor estiver em uma floresta no momento de conjuração, as magias vão custar 1 ponto a menos.

 

Se você é um fã de Armello, não tenha medo em comprar a expansão. Ela te dá mais variedades de jogabilidade do que os heróis base, logo, aumentando suas horas de jogo sem repetição alguma.

Mas se você não conseguir pegar a expansão, não tem problema também. Usurpers apenas introduz personagens novos, mas não deixa o jogo desbalanceado de forma alguma, e mesmo assim você ainda vai encontrar com uma Elyssa ou Magna pelas partidas, então de rosto novo no mapa o jogo vai estar de qualquer jeito.

Ainda não conhece Armello? Confira nossas recomendações clicando aqui, é um jogo que você está perdendo se ainda não está jogando.

 

Rian ''BlackDog''Duarte

Estudante de física, jogador casual e escritor com dislexia.

Comentários