Game Office Network - Gonbrasil
Análises

Jogamos: Parallyzed

Um jogo de 60MB que te trará dor de cabeça (de verdade!)

Se você é fã de jogos com simplicidade de jogos mobile e jogos que te deixam irritados com repetições rápidas de fases de uma forma bem linear, talvez você queira checar o indie recém lançado Parallyzed, um jogo que te coloca no papel de duas irmãs simultaneamente enquanto você precisa desviar de obstáculos e pensar rápido suas ações.

Para explicar melhor, você controla ao mesmo tempo as duas personagens do jogo em duas divisórias de tela diferentes (o que no jogo são ”universos paralelos”) e você pode trocar elas de lugar sempre que quiser. As irmãs tem habilidades diferentes e como o jogo te faz seguir uma linha reta em plataforma como BIT.TRIP RUNNER você precisa manusear rapidamente qual irmã será melhor para tal ”universo” em um espaço pequeno de tempo, para desviar objetos por exemplo.

A irmã azul consegue pular alturas maiores e não bater a cabeça em obstáculos pelo mapa, enquanto a irmã laranja é apenas um troll gigante que não consegue pular direito e bate a cabeça em todo lugar. O jogo vai se dificultando e mudando rapidamente para que a sua dor de cabeça aumente, e a dor de cabeça é real: você precisa acompanhar duas personagens ao mesmo tempo, precisa saber a hora de pular, trocar de personagem para pegar objetivos, trocar de personagem para que um não bata a cabeça ou consiga pular e por mais que as fases não sejam tão longas a sensação de motion sickness é bem real se você jogar o jogo por muito tempo seguido. mas em geral é um jogo desafiador e legal para você perder um pouco de tempo.

Parallyzed tem cenários bonitos de fundo mas não é isso tudo que ele mostra ser em termos visuais, e apesar de divertidinho para um jogo que daria certo em um jogo mobile que você joga no banheiro, ele não funciona por muito tempo como um jogo de PC em um mercado com tantos jogos indies que se inovam mesmo com a sua simplicidade. Felizmente Parallyzed em seu lançamento não se acha um jogo maior do que realmente é e tem um preço bem moderado para quem quiser testar por conta própria.

 

The Review

60% É divertido, mas simples

PROS

  • Visualmente bonito
  • Desafiador

CONS

  • Realmente simples
  • Repetitivo
50%
Rian ''BlackDog''Duarte

Estudante de física, jogador casual e escritor com dislexia.

Comentários